×
Siga-nos:
Classe Contábil
PUBLICADO 7 meses ATRÁS.

Quais são os principais benefícios da auditoria externa?

O conhecimento de si mesmo constitui o passo inicial que nos torna aptos a promover as mudanças e os ajustes necessários à correção de eventuais erros do passado. Este autoconhecimento dar ainda o suporte para a reorientação dos nossos atos do presentes, permitindo potencializar o que temos de positivo e mitigar os pontos negativos, com reflexos benéficos no futuros. Igual visão se aplica integralmente às organizações de modo que a sua gestão possa produzir dados íntegros e administrar por meio de informações confiáveis.

Assim, ao entender melhor o próprio negócio, é possível planejar o futuro da empresa com mais clareza e se tornar mais competitivo no mercado. Isso é possível com a contratação de uma auditoria externa, pois o profissional é isento de qualquer julgamento anterior, não possui vínculos e terá imparcialidade nos apontamentos.

Uma auditoria independente é capaz de apontar erros de forma mais crítica, indicando os aspectos que devem ser melhorados sem a preocupação de prejudicar alguém da empresa.

Pensando sobretudo no empresário, destaco a seguir, alguns dos benefícios e pontos relevantes que o trabalho do auditor pode trazer para o seu negócio!

1. Análise dos demonstrativos contábeis e financeiros

O profissional contratado para desenvolver a auditoria externa precisa ter total liberdade dentro da empresa para analisar os demonstrativos financeiros detalhadamente.

O processo pode levar dias, semanas ou meses, dependendo do porte e características da organização. Afinal, todas as informações necessárias devem ser levantadas, como entradas e saídas de recursos financeiros, estoques, contas a receber e a pagar, compras de equipamentos, pagamentos de salários, investimentos realizados, informações tributárias e afins.

A partir da análise, o profissional será capaz de apontar possíveis falhas e indicar a melhor maneira de corrigi-las.

2. Melhoria dos controles internos

independência e a imparcialidade são fatores fundamentais na auditoria. Por não participar do dia a dia da empresa, um auditor independente é capaz de verificar de forma mais crítica os processos, apontar as falhas nos registros e controles de documentações.

Assim como a orientação que trará benefícios para a empresa, o auditor pode ainda identificar procedimentos internos que em longo prazo poderão trazer prejuízos ao negócio.

Dessa maneira, os gestores da empresa podem reavaliar os métodos utilizados e buscar o aperfeiçoamento para qualificar os controles internos e prevenir erros e fraudes.

3. Facilidade na obtenção de empréstimos

Algumas dificuldades e até mesmo o elevado custo de empréstimos e financiamentos são motivados pela falta de confiança do financiador nas informações sobre a organização. A empresa de auditoria contratada fará uma análise detalhada dos demonstrativos fiscais e contábeis, e dará seu parecer sobre a situação patrimonial e financeira do negócio.

Um parecer da auditoria sem ressalvas constitui ponto relevante para a empresa nas suas relações com terceiros, caracteriza ainda a ausência de discordâncias nas informações contábeis, traduz uma adequada posição patrimonial, gerando credibilidade para a organização.

O documento assinado pelo auditor contábil legalmente habilitado induz credibilidade para a empresa junto ao mercador, pois demonstra transparência nos procedimentos. Assim, fica mais fácil para o empresário acessar bons fornecedores e instituições financeiras na obtenção de credito em condições mais favoráveis.

4. Segurança financeira

Após passar por auditorias periódicas, a segurança financeira é um dos seus reflexos positivos. As análises sistemáticas procedidas nos dados contábeis e financeiros da empresa tendem a inibir a prática futura de atos lesivos a empresa.

Portanto, a auditoria gera mais segurança ao empreendedor, que reduz muito os riscos de erros, evitando por exemplo, de ser notificado pelo fisco por falhas nos cálculos e recolhimentos dos tributos, e assim por diante. Essa segurança garante, também, mais confiabilidade do mercado externo, atraindo a atenção de investidores.

5. Governança corporativa

Administrar com números confiáveis é muito mais fácil e as decisões certamente são mais assertivas. Com informações detalhadas em mãos e com o aval de um auditor externo, os gestores da empresa conseguem entender melhor o próprio negócio, ampliar a visão e visualizar até mesmo novas oportunidades de investimentos.

Assim, com uma boa auditoria externa periódica fica mais fácil planejar o futuro da sua empresa com mais clareza e garantir a competitividade e sustentabilidade do negócio no mercado, assegurando igualmente maior tranquilidade aos gestores e demais envolvidos ou que dependem da entidade.


Advogado, contador, matemático, auditor e perito contábil. Professor, Especialista em Direito Empresarial, Administração Financeira e Matemática Aplicada. Mestre em Administração de Empresas. Presidente do Grupo Fortes de Serviços.



COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

*Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Leia também

Receba gratuitamente nosso informativo de artigos e notícias em seu e-mail