×
Siga-nos:
Classe Contábil
PUBLICADO 2 anos ATRÁS.

Serasa libera consulta gratuita sobre pendências no CPF via site e app

A Serasa anunciou nesta sexta-feira, 08/07, o lançamento de um novo serviço gratuito pela internet que vai permitir aos consumidores verificar se há pendências financeiras associadas a seus CPFs. A consulta poderá ser feita no site www.serasaconsumidor.com.br ou, para usuários de smartphones Android, pelo aplicativo SerasaConsumidor.

O serviço exige que o interessado faça um cadastro abrangente antes de liberar a consulta, que apenas é ativada se for digitado um código de validação enviado pela Serasa por SMS para um aparelho celular indicado pelo consumidor. Com esse processo de autenticação a empresa cria barreiras para evitar que terceiros tentem checar informações que não lhes pertencem.

A lista de itens que podem ser obtidos no site inclui a informação se há negativação do CPF, o débito pendente que levou à negativação (banco, cartão de crédito, financeira, varejo, prestadoras de serviços de telefonia, energia elétrica, água, além de ocorrências de títulos protestados, cheques sem fundos e ações judiciais); e informações sobre os credores, como telefones, endereço, e-mail e site, e o valor atual e a data de vencimento do débito atrasado.

Um outro serviço gratuito oferecido pela Serasa em parceria com várias instituições financeiras – o Limpa Nome Online – poderá ser acionado pelo consumidor diretamente a partir da página da consulta do CPF e vai permitir que ele renegocie a dívida diretamente com o credor, desde que ele seja parceiro da Serasa.

O serviço da Serasa não é o único gratuito do mercado para esse tipo de consulta de negativação de CPF. Desde 2013 a Boa Vista Serviços, administradora do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), oferece no site Consumidor Positivo a possibilidade de consultar o status financeiro do CPF, saber a lista de credores e também fazer renegociação de dívidas com empresas cadastradas.




COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

*Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Leia também

Receba gratuitamente nosso informativo de artigos e notícias em seu e-mail