Portal da Classe Contábil Cinco motivos para você contratar um contador para sua empresa | Portal da Classe Contábil
×
Siga-nos:
Classe Contábil
PUBLICADO 3 meses ATRÁS.

Cinco motivos para você contratar um contador para sua empresa

Se você é empreendedor sabe bem que essa não é uma tarefa fácil. São muitas responsabilidades e a principal delas é a financeira. Além de conhecer bem o seu mercado, você precisa conhecer suas próprias contas e o patrimônio empresarial. E para isso, não é tolerável que haja erros. Afinal, essas contas também são prestadas ao Fisco. E a legislação tributária é extremamente complexa, tornando o pagamento de quaisquer impostos ou taxas um verdadeiro desafio.

Créditos: Pexel

Atualmente, os contadores exercem funções que vão muito além das meras atividades burocráticas, servindo como verdadeiros aliados durante todo o planejamento estratégico de um negócio. São eles que determinam o melhor modelo de tributação e que avaliam a saúde financeira da empresa para que você possa crescer, reduzir custos e até ampliar serviços e produtos. Afinal, o trabalho do assessor contábil é exatamente o de controlar o que acontece no negócio e analisar como melhorar sua eficácia em vários aspectos, ajudando seu dono a tomar decisões mais assertivas. Por isso, preparamos cinco motivos para que você adote um contador na sua empresa.

Gestão

Segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 48,2% das empresas brasileiras encerram suas atividades após três anos da abertura, o que está muito atrelado a um planejamento e gestão ruins. Uma pesquisa do Sebrae identificou ainda que os principais problemas que levaram empresas a fecharem as portas no Brasil são financeiros e de gestão, englobando inadimplência, falta de linha de crédito, problemas administrativos, contábeis e logística. Jorge Pessoa, diretor da Person Consultoria, afirma que é necessário que a empresa busque um trabalho de assessoria contábil de qualidade. “A empresa precisa de organização para se manter no mercado. É por isso que esse trabalho é importante para o bom andamento de um negócio, afinal é a assessoria contábil que ajuda e orienta as empresas que atende, para que elas se organizem na parte financeira, tendo assim um controle melhor de suas rotinas financeiras de forma objetiva, através de uma metodologia que prima pela simplificação de processos e personalização da análise da operação das empresas”, explica.

Modelo de tributação

Quem nunca se pegou na dúvida entre perguntas como: “Apuração pelo lucro real ou presumido?” ou “O Simples Nacional é sempre a melhor opção para o microempreendedor?”. A bem da verdade é que não há uma resposta pronta para esses e muitos outros questionamentos. A classe contábil está em constante movimento e, a cada dia, surge uma especificidade diferente.

“A escolha do modelo tributário, por exemplo, deve ser feita caso a caso e, por isso, nada melhor do que um contador para verificar qual será o melhor cenário para a sua empresa”, explica Regina Fernandes, sócia proprietária da Capital Social Contabilidade e Gestão. A executiva ainda conta que, dependendo das atividades exercidas pela empresa, um determinado modelo apresente isenções não alcançadas para empresas que se adequem a outro, por exemplo. “É preciso uma análise contábil de um especialista. Ao checar essas informações, ele pode até reduzir a carga tributária” explica Regina.

Demonstrações contábeis fidedignas

Por falar em tributos, o Leão não pode ficar de fora dessa conversa. A contabilidade tem um papel importante na formulação de demonstrações contábeis para os órgãos de fiscalização, como a Receita Federal e a Secretaria de Fazenda Estadual. Informações omitidas ou enviadas de forma equivocada podem gerar multas para o empreendedor. “Nada melhor do que contar com um profissional que saiba exatamente como todos os trâmites burocráticos funcionam, e como devem ser apuradas todas as bases de cálculo dos tributos”, diz Regina.

Tomadas de decisões

O contador é fundamental nas tomadas de decisões de uma empresa. Ele é quem organiza o balanço patrimonial do negócio, além de realizar as Demonstrações de Resultado do Exercício (DRE), o que pode contribuir para que o gestor tome as suas decisões com mais precisão. “Não é raro encontrarmos empresas que não tomam conhecimento de todos os custos, encargos e receitas do seu negócio, dificultando qualquer tipo de projeção”, conta Regina. Vale lembrar, ainda, que a avaliação de todas as necessidades internas é uma das principais etapas para a elaboração de um planejamento estratégico, e as informações sobre as finanças da empresa são peças fundamentais desse processo.

Cash Back

Tão importante quanto estar em dia com o Fisco, é ter a certeza que seu escritório parceiro de contabilidade está monitoramento todos os impostos a recuperar. Ou seja, impostos indiretos como o ICMS, ISS e IPI. Muitas empresas perdem dinheiro ao não realizar de forma apropriada a compensação desses tributos. O contador sabe exatamente qual é o montante de recuperáveis e fará a compensação correta com o que a empresa realmente deve para o Fisco, contribuindo para o equilíbrio de todas as contas.




COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

*Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Leia também

Receba gratuitamente nosso informativo de artigos e notícias em seu e-mail